Iniciativas sustentáveis e econômicas

O Brasil está entre os países com maior consumo de energia do mundo. Sendo assim, não devemos nos preocupar?  A produção e o consumo de energia elétrica impactam o meio ambiente. Mesmo tendo cerca de 80% provenientes de hidrelétricas, que é considerada “limpa”, ela precisa de água para ser produzida. Quanto maior o consumo de energia, mais água é utilizada. 

Essa conscientização levou a Steck Indústria Elétrica a investir num novo sistema de iluminação da fábrica de São Paulo (SP). Substituiu as lâmpadas de vapor metálico por modelos LED. O resultado foi uma economia de energia na casa dos 70% Além da substituição das lâmpadas, foram instalados sensores inteligentes, os quais identificam o nível de claridade proveniente de luz natural e ajustam automaticamente cada lâmpada da fábrica. Assim, a capacidade da lâmpada pode chegar a apenas 20%.  Os sensores são programados para serem ajustados, conforme a intensidade de iluminação desejada, assim como por horário. “O sistema é controlado sem a interface humana, bastando programar o horário dos ajustes ou o ‘set-point’ desejado de intensidade de iluminação”, explica Luciano Fernandes, gerente industrial e da qualidade da STECK. “Além da redução no consumo, destaca-se uma melhora significativa na iluminância das áreas, o que contribui para um maior conforto visual e precisão nas tarefas”, completa.

É bom lembrar outra vantagem sobre alguns outros tipos de lâmpadas, como as de vapor: as de LED não esquentam e são sustentáveis, já que na hora do descarte não contaminam o solo, por exemplo.  

E mais projetos virão

A Steck tem planos entrar no chamado Mercado Livre de Energia, um ambiente em que as condições comerciais de fornecimento são negociadas livremente, sendo uma alternativa ao tradicional contrato com a concessionária local. A expectativa é uma redução entre 15% e 20% no consumo total de energia da planta. Outro projeto é investir num sistema próprio de captação de energia fotovoltaica (solar). Com esse, a Steck passaria a contar com um importante excedente de energia limpa – e também fartamente disponível, já que a fonte é o sol, abundante no Brasil –, o que pode facilitar ainda mais a negociação de descontos junto à rede de distribuição.

De modo a firmar o compromisso com a utilização de fontes limpas e renováveis de energia, a STECK está em constante procura de soluções sustentáveis e alternativas em prol do meio ambiente.

Últimas Notícias